fbpx
domingo, 14 agosto 2022

Produtor de Vargem Bonita fica em 1º lugar no XVIII Concurso Regional do Queijo Minas Artesanal Canastra



Concurso foi realizado no município e é promovido regularmente pela Emater, de forma itinerante, em etapas regionais e estadual. Objetivo é incentivar a produção de queijo em conformidade com as normas sanitárias

Foto: Prefeitura de Vargem Bonita/Divulgação

Por g1 Centro-Oeste de Minas — Vargem Bonita

O XVIII Concurso Regional do Queijo Minas Artesanal Canastra, realizado pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais (Emater) em Vargem Bonita, terminou com um queijo produzido no município em primeiro lugar.

O concurso foi realizado nesta semana e o vencedor foi o “Queijo da Cristina”, da Fazenda Palmital de Vargem Bonita, de propriedade de Adriano Cassimiro de Faria e Maria Cristina Costa Faria.

Em 2 º lugar, ficou a Fazenda Estrela, de São Roque de Minas, do produtor Aécio de Oliveira e o 3º Lugar, também para São Roque de Minas, foi conquistado pela Fazenda São Bento Capela Velha, do produtor Guilherme Henrique Silva. Os 4º e 5º lugares ficaram para os também produtores de Vargem Bonita, Reinaldo de Faria Costa, da Fazenda Capivara e Cleuton Soares da Cunha, da Fazenda Diamante.

Concurso

O concurso é promovido regularmente pela Emater, de forma itinerante, em etapas regionais e estadual, para incentivar a produção de queijo em conformidade com as normas sanitárias exigidas pela legislação e também ajudar a manter as características tradicionais e históricas do queijo de cada região.

Participaram do evento: cinco produtores de Delfinópolis; um produtor de Piumhi, um de São João Batista do Glória; cinco de São Roque de Minas, dois de Tapiraí e cinco de Vargem Bonita.

A proposta da competição é conferir cada vez mais credibilidade ao setor, uma vez que, para se inscrever, o principal critério é que o produtor seja registrado em algum órgão de inspeção, como destacou o gerente regional da Emater, Edson Aparecido Gazeta.

“Isso favorece toda a cadeia produtiva do Queijo Minas Artesanal do município e de toda a região, beneficia as famílias, os produtores e, com certeza, incentiva o mercado local, regional e de todo o país. O queijo Canastra é o nosso queijo de cada dia! É a razão econômica da nossa região”.

Durante o concurso foram avaliados os quesitos: apresentação, cor, textura, consistência, paladar e olfato. Os cinco colocados foram classificados para participar da etapa estadual do concurso que será em Belo Horizonte, em data ainda a ser definida. Após a etapa regional, com a avaliação das características especificas de cada região, é promovido um concurso estadual de queijo minas artesanal.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

× Posso ajudar?