quarta-feira, 28 outubro 2020

Produtores de queijos artesanais ganham visibilidade com formação de associação estadual



Por: Paulo Otávio

A produção de queijos artesanais em Minas Gerais ganhou uma nova aliada. Foi criada a Associação Mineira dos Produtores de Queijo Artesanal (Amiqueijo). Inicialmente, a entidade será composta por nove regiões produtoras de Minas Gerais, que somam mais de 200 empreendedores: Araxá, Campo das Vertentes, Canastra, Cerrado, Mantiqueira, Serra Geral, Serra do Salitre, Serro e Triângulo. Entretanto, o objetivo da entidade é reunir todas as associações e produtores do estado.

O produtor rural de São Roque de Minas e presidente da Associação dos Produtores de Queijo Canastra (Aprocan), João Carlos Leite, conhecido como Joãozinho da Canastra, foi eleito por unanimidade o primeiro presidente da Amiqueijo.

A vice-presidente da associação, a produtora Mariana Resende, moradora de Coronel Xavier Chaves e presidente da Associação do Queijo Minas Artesanal do Campo das Vertentes (AQMAV), destaca que sua região tem uma tradição de mais de 300 anos do queijo Minas artesanal, mas que, infelizmente, se perdeu ao longo dos anos. Por isso, os produtores do local se uniram para recuperar a prática.

A fundação da associação ocorreu na sede do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em Belo Horizonte, e contou com a presença de representantes do órgão federal, da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), da Emater-MG, do Sebrae e da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg), apoiadores da iniciativa, além dos presidentes e produtores das associações regionais.

Benefícios

A Seapa deu apoio à iniciativa, e a Emater-MG, empresa vinculada à pasta, atuou na assistência técnica aos envolvidos. Além dos benefícios para os produtores de queijo artesanal – como melhoria da renda familiar, inserção no mercado formal e geração de novas oportunidades para as famílias do campo –, a criação da entidade traz vantagens também para o estado, conforme o superintendente de Abastecimento e Cooperativismo da Seapa, Gilson Sales.

O Governo de Minas está prestes a concluir a regulamentação da Lei 23.157/18, que trata da produção e da comercialização dos queijos artesanais no estado.

Fonte: www.portalondasul.com.br

2 comentários

  1. Eu sou de Presidente Prudente e gostaria de saber como faço para comprar queijos da serra da canastra, pois esses dias vi reportagem que estavam vendendo para o Brasil inteiro pela internet.

    • Oi Marcelo, tudo bem?

      Você ponde adquirir queijos através do nosso site loja.serradacanastra.com.br. São todos de excelentes produtores, afiliados a APROCAN. Tenho certeza que vai gostar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Posso ajudar?