fbpx
quinta-feira, 30 maio 2024

Papa Francisco envia carta de agradecimento após ganhar queijo produzido em MG: ‘Muito apreciei o teu presente’



Legenda: Queijo entregue ao Papa Francisco foi premiado com medalhas de ouro nas edições da Expoqueijo de 2021 e 2022. — Foto: Queijo do Ivair/Arquivo Pessoal

Pontífice foi presenteado com um ‘Queijo do Ivair’, produzido em São Roque de Minas e que foi premiado com medalhas de ouro nas edições da Expoqueijo de 2021 e 2022.

O Papa Francisco enviou uma carta de agradecimento após ser presenteado com um Queijo Minas Artesanal produzido em São Roque de Minas, na região da Canastra. O “Queijo do Ivair”, entregue ao representante máximo da Igreja Católica, é produzido por Lúcia Oliveira e o marido, Ivair, que dá nome à marca.

A carta de agradecimento foi recebida pelo produtor cultural Jordane Macedo, amigo do casal de produtores, que tinha deixado o produto com um embaixador brasileiro em Roma, para ser encaminhado ao Papa Francisco, no mês de julho.

Na carta, o Papa abençoa Jordane, a família dele e todo o povo de Minas Gerais.

“Desejo agradecer-te penhoradamente pela tua amável carta e pela oferta do produto típico de sua terra. Muito apreciei o teu presente e as palavras que o acompanhavam”.

Em um vídeo publicado nas redes sociais, Jordane Macedo leu a carta e agradeceu o gesto do Papa Francisco. “Realmente fiquei muito emocionado e muito agradecido”, ressaltou o produtor cultural.

Papa Francisco recebe queijo produzido em São Roque de Minas e agrade presente em uma carta — Foto: Reprodução/Redes Sociais

O queijo

O “Queijo do Ivair” foi premiado com medalhas de ouro nas edições da Expoqueijo de 2021 e 2022. A produtora Lúcia Oliveira conta que o presente dado ao Papa foi um queijo de produção da manhã, maturado por 30 dias.

“A gente não sabia realmente se esse queijo ia ser entregue, torcia para que fosse, mas não tinha certeza. Agora, na semana passada, chegou a carta agradecendo o queijo e abençoando a todos nós mineiros e produtores”, contou Lúcia Oliveira.

Desde 2013, ela e o marido se especializam para elaborar um produto com cada vez mais qualidade.

“Trata-se de um queijo produzido por um casal de produtores trabalhador, que recorrentemente ganha medalhas em concursos para o setor. Nós esperamos que essa notícia traga visibilidade para os produtores de queijos artesanais do estado”, afirmou o diretor de Agroindústria e Cooperativismo da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Ranier Chaves Figueiredo.

Minas Gerais possui dez regiões caracterizadas como produtoras de Queijo Minas Artesanal. Há também cinco regiões caracterizadas como produtoras de outros tipos de queijos artesanais.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Posso ajudar?