fbpx
quinta-feira, 30 maio 2024

Emater-MG e Aprocan terão ações conjuntas em benefício dos produtores da Canastra



Foto: Maria Teresa Leal / Itatiaia

1º Circuito Tecnológico do Queijo Minas Artesanal da Região da Canastra acontecerá em junho

Emater-MG e produtores de queijo Canastra terão uma agenda conjunta de trabalho para o fortalecimento da produção e valorização do queijo minas artesanal da região da Canastra. A decisão foi tomada durante um encontro entre técnicos da Empresa de Assistência Técnica  e membros da Associação dos Produtores de Queijo Canastra (Aprocan), em São Roque de Minas.

Foto: Divulgação / Aprocan

1º Circuito Tecnológico 


Entre as ações pactuadas, estão a realização do 1º Circuito Tecnológico do Queijo Minas Artesanal da Região da Canastra (previsto para junho), capacitações e atualizações técnicas das equipes da Emater-MG e a implementação do Programa Queijo Minas Legal, na região da Canastra.


O Circuito Tecnológico do Queijo Minas Artesanal da Região da Canastra será realizado em 22 junho, no município de São João Batista do Glória. O coordenador técnico regional da Emater-MG, Carlos Bovo, explica que a proposta é fazer um evento técnico sobre produção de queijos com palestras sobre inovação tecnológica, mercado, legislação e outros temas de interesses dos produtores. “Estes seminários são comuns em grandes cidades, mas é difícil o pecuarista abandonar suas atividades do dia-a-dia, fora custos de locomoção e hospedagem. Por isso, trazer esse modelo de evento para a região facilita a participação de técnicos e produtores”, argumenta Bovo. O coordenador explica que a proposta é fazer o circuito a cada ano em uma cidade da região. No primeiro circuito, a expectativa é reunir profissionais e produtores de 30 municípios.

Treinamento


Outra proposta educativa é uma parceria para capacitações e atualizações técnicas das equipes da Emater da região Canastra no Centro de Referência de Queijos Artesanais, da Aprocan. A escola ensina técnicas para produzir o Queijo Minas Artesanal (QMA) de leite cru, visando formar mestres queijeiros.

Segundo Bovo, vários extensionistas da Emater-MG assumiram seus cargos, recentemente. Então é importante que tenham um bom treinamento para que eles possam atender melhor os produtores. “Já temos um curso focado nos produtores, mas vamos adaptá-lo para um formato que atenda os técnicos da Emater-MG”, explica o gerente-executivo da Aprocan Higor Freitas.

Regularização de queijarias

As equipes da Emater-MG e da Aprocan também discutiram iniciativas para a implementação e a execução do Programa Queijo Minas Legal, na região da Canastra. O projeto estadual prevê um investimento de R$ 2,8 milhões na regularização de queijarias artesanais em Minas e é fruto de uma parceria do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), com o Fundo Estadual de Defesa e Proteção do Consumidor do Ministério Público de Minas Gerais, via Termo de Descentralização de 

Crédito Orçamentário


Os recursos serão destinados a treinamento de profissionais do Sistema Agricultura, visitas aos estabelecimentos produtores e a análises laboratoriais de amostras de água e de queijos, além de assistência técnica às queijarias. Segundo Bovo, a meta da Unidade Regional da Emater-MG (Uregi) em Passos é beneficiar 60 produtores familiares na região. “Sempre orientamos nossos associados para fazer a regularização das queijarias, mas se o número de produtores legalizados aumentar na região é bom para todos. Assim a produção de queijo Canastra fica mais forte e valorizamos nossa marca, permitindo atingir um mercado comprador maior”, comenta Higor.

As visitas técnicas da Emater-MG, por sua vez, serão guiadas por análises laboratoriais microbiológicas e físico-químicas de amostras da água e de queijos. Os resultados vão facilitar a descoberta de deficiências e perigos higiênico-sanitários nos itens comercializados e o trabalho de habilitação sanitária, de modo geral. 

As equipes da Emater-MG e da Aprocan pensam ainda em estabelecer projetos de diversificação e integração produtiva para apicultores.

Fonte: https://www.itatiaia.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Posso ajudar?